Audiência Idosos 03Audiência Idosos 02Audiência Idosos 04Audiência Idosos 05Audiência Idosos 06Em audiência pública realizada nesta quarta-feira, 23, na Assembleia Legislativa, foi debatida a construção do Centro de Referência Regionalizado de Atenção Integral à Saúde da Pessoa Idosa do Maranhão (Creaispi).

De iniciativa da 1ª Promotoria de Justiça Especializada na Defesa do Idoso, com apoio da Comissão de Administração Pública e Seguridade Social da Assembleia, a audiência contou com a presença de um grande número de idosos e de representantes de instituições que prestam atendimento a esse público.

Os trabalhos foram coordenados pelo promotor de justiça José Augusto Cutrim Gomes, titular da 1ª Promotoria de Justiça do Idoso, e pelo deputado Wellington do Curso, que preside a comissão.

Na abertura da audiência, grupos de idosos, entre os quais o Boi Brilho do Sesc, fizeram apresentações musicais.

A instalação do Centro de Referência atende a uma determinação do Ministério da Saúde. No Maranhão, o Governo do Estado editou o Decreto Nº 32.659/2017, em fevereiro deste ano, que prevê a criação do centro, a ser instalado no Centro Social Urbano (CSU) da Cohab, em São Luís.

De acordo com o decreto, o centro tem a finalidade de prestar atendimento multidisciplinar à pessoa idosa de toda a região metropolitana de São Luís, oriunda das unidades básicas de saúde dos quatro municípios (São Luís, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar). Contará com profissionais, como geriatras, neurologistas, assistentes sociais, enfermeiros, fisioterapeutas, nutricionistas, terapeutas ocupacionais, psicólogos, professores de dança, entre outros.

O espaço terá gestão compartilhada entre as Secretarias de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes), de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e Saúde (SES).

Durante a audiência, o secretário de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, apresentou o projeto arquitetônico do centro. Também presente no evento, o presidente da Agência Executiva Metropolitana (Agem), Pedro Lucas Fernandes, informou que o terreno do CSU da Cohab, pertencente ao Município de São Luís, será doado ao Estado para a construção da obra.

Segundo o promotor de justiça José Augusto Cutrim, o Ministério Público convocou a audiência para que os gestores dos órgãos envolvidos informassem sobre os recursos, o projeto executivo, prazo para começar a obra e população beneficiada. “Enfim, buscamos aqui as informações necessárias para que possamos fazer o devido acompanhamento desse importante projeto em favor dos direitos dos idosos”, afirmou.

Redação: José Luís Diniz (CCOM-MPMA)
Fotos: Francisco Colombo (CCOM-MPMA)

Página Principal

Conteúdo

Notícias

Voltar ao topo

2019 - O Ministério Público na indução de políticas públicas.

Ministério Público do Estado do Maranhão © 2011 - É proibida a reprodução, alteração, distribuição e republicação de material contidos neste Portal, sem prévia autorização.