Imprimir
Acessos: 784
principal OKcriança 2foto 2entrega presentescriança 1Encerrada nesta sexta-feira, 21, a programação do Centro Cultural e Administrativo do Ministério Público do Maranhão iniciada na última segunda-feira, 17. O Centro Cultural e Administrativo do MPMA está localizado na Rua Oswaldo Cruz, 1396, Centro de São Luís. O público-alvo foi composto por filhos e dependentes de membros e servidores da instituição e crianças do Grupo Solidariedade é Vida, localizada no bairro Fé em Deus. Ao todo, 40 crianças entre 06 e 13 anos de idade participaram da programação.

A iniciativa cumpre um dos objetivos principais do centro, que é oferecer à comunidade um espaço cultural de múltiplas linguagens, promovendo a interlocução diferenciada com o Ministério Público do Maranhão, por meio da atividade extraprocessual e pela transformação social.

O encerramento das atividades contou com a presença do procurador-geral de justiça em exercício, Francisco das Chagas Barros de Sousa; do diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais (Secinst), Marco Antônio Santos Amorim; do diretor da Secretaria de Planejamento (Seplag), Nonato Leite e de servidores do MPMA.

Em sua fala, o procurador-geral de justiça em exercício abordou a importância do exercício da cidadania e de incentivar as crianças a serem cidadãos participantes e atuantes na sociedade. “É uma atividade muito importante do Ministério Público, que traz para esse espaço a comunidade, as crianças. O MPMA está de parabéns. Esse é apenas o início de uma série de oportunidades que vamos ter por aqui, como pleno exercício da cidadania”, avaliou o procurador Francisco das Chagas Barros de Sousa.

Durante uma semana, as crianças participaram de oficinas de confecção de biscoitos natalinos e brinquedos recicláveis, mostra de filmes infantis, contação de histórias, pintura, teatro, pintura facial e também de rodas de capoeira. Houve também atendimento na área de saúde bucal. Ao final, todos receberam certificados e trocaram presentes.

“Muito gratificante participar dessa programação. Trouxemos o público ideal para esta primeira semana. Isso é bem simbólico para o MP. Só temos a ganhar nos aproximando mais da sociedade”, refletiu Nonato Leite, diretor da Seplag.

Participaram da organização desta primeira semana de programação do Centro Cultural, servidores da Secretaria de Planejamento do MPMA, Memorial, CAOp Educação e Saúde Funcional. Para o diretor da Secinst, os resultados não poderiam ter sido melhores. “As crianças saíram bastante satisfeitas. O MP pretende com esse Centro Cultural aproximar cada vez mais a população do Maranhão à instituição”, disse Marco Amorim.

O coordenador do Centro Cultural, o analista ministerial Francisco Colombo, explicou que a programação foi cuidadosamente pensada com atividades dinâmicas e que estimulassem as crianças a produzir. “A gente conseguiu confraternizar crianças de classes sociais diferentes através da arte e cultura, com uma gama diversa de atividades bem dinâmicas”, finalizou.

Redação e Fotos: Daucyana Castro