FELIS 2019 2FELIS 2019 4FELIS 2019 3FELIS 2019 5FELIS 2019 1Na manhã desta terça-feira, 23, no Centro Cultural e Administrativo do Ministério Público do Maranhão foi realizada a solenidade de lançamento da 13ª Feira do Livro de São Luís (Felis), a ser realizada de 11 a 20 de outubro pela Prefeitura de São Luís com mais de 600 atividades entre palestras, debates, apresentações artísticas e lançamentos de livros. Autores maranhenses e de outros estados estarão presentes. O tema da Feira do Livro de 2019 é “Brasil atemporal na obra de Aluísio Azevedo”.

O evento reuniu membros e servidores do MPMA, autoridades, gestores e representantes da Prefeitura de São Luís, além de apreciadores de literatura e cultura.

No começo de seu discurso, o procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, prestou homenagens ao patrono da edição de 2019 da Felis, o escritor Aluísio Azevedo, citando trechos de obras do célebre autor maranhense.

Ressaltou também que o Ministério Público entende o direito à cultura como basilar da dignidade da pessoa humana, conforme preconiza a Constituição de 1988. “Em razão disso, criamos este Centro como forma de fazer da cultura um dos veículos de prestação de contas de nossas atividades. Por meio da educação voltada aos Direitos Humanos, reforçamos a democracia e os princípios republicanos que a instituição ministerial deve proteger”, enfatizou, destacando a importância do local de lançamento e da Felis.

Também agradeceu ao prefeito Edivaldo Holanda Júnior pela oportunidade de parceria na organização de atividades na Feira do Livro. “A cerimônia de hoje já demonstra as diversas faces da Feira do Livro. Viva a arte, viva a cultura, viva o cidadão e viva São Luís, cidade que respira arte e literatura!”, disse.

O secretário municipal de Cultura, Marlon Botão, agradeceu a todos que contribuem para a realização da Feira do Livro, especialmente ao Ministério Público. “Hoje nós estamos em uma casa que é referência para o cidadão de São Luís, e a participação do Ministério Público só fortalece a nossa ação, porque aqui está um exemplo de comprometimento e resguardo do bem público”, comentou.

Encerrando os pronunciamentos, o prefeito Edivaldo Holanda Júnior também agradeceu o apoio recebido do Ministério Público e de todas as entidades, empresas e órgãos que ajudam a organização da Feira do Livro. “Vamos dar continuidade a este tão importante evento, o maior encontro literário do estado. A Prefeitura não tem condições de realizar a Feira sozinha. Por isso, deixo o meu agradecimento a todos os parceiros”.

Igualmente se pronunciaram na solenidade a coordenadora da Felis, Rita Oliveira; o presidente da Associação dos Livreiros do Maranhão (Alema) Hélio Ricardo Macedo; além das representantes do Serviço Social do Comércio (Sesc), Maria Regina Silva Soeiro, e da empresa Vale, Gisele Brito, parceiras na organização do evento.

ATIVIDADES

O lançamento foi aberto pelo Coral Vozes do MP, que interpretou a canção “Louvação a São Luís”, do poeta Bandeira Tribuzi, consagrada como hino da capital maranhense. Cantou também outras músicas célebres de compositores do Maranhão.

A programação teve, ainda, a apresentação da série audiovisual “Aos Olhos do Criador”, do diretor Joan Santos, com exibição do episódio piloto. A série é uma homenagem à cultura e à exuberância natural do Maranhão, em imagens aéreas.

Houve, ainda, varal de poesia de cordel, exposição de artesanato do Programa de Assistência Integrada ao Aposentado (PAI) e sarau poético com o Grupo Leia Mulheres, além de apresentações musicais.

Do MPMA também estiveram presentes Eduardo Jorge Hiluy Nicolau (corregedor-geral do MPMA); Paulo Silvestre Avelar Silva (diretor das Promotorias da Capital); Emmanuel Guterres Soares (diretor-geral da PGJ); Raimundo Nonato Leite (diretor da Secretaria de Planejamento e Gestão) e Márcio Thadeu Silva Marques (diretor da Escola Superior do ministério Público).

Igualmente compareceram os promotores de justiça Cláudio Rebêlo Alencar (coordenador do CAOp-ProAd); Luís Fernando Cabral Barreto Júnior (coordenador do CAOUMA) Gabriele Gadelha (coordenadora do (CAOp-PIPD ), Ilma de Paiva (coordenadora do CAOp-Saúde); e Karla Adriana Holanda Farias Vieira (coordenadora de pós-graduação da ESMP).

 

Redação: Eduardo Júlio (CCOM-MPMA)

Fotos: Jeferson Aires (CCOM-MPMA)

Página Principal

Conteúdo

Notícias

Voltar ao topo

2020 – O Ministério Público no fortalecimento do controle social

Ministério Público do Estado do Maranhão © 2011 - É proibida a reprodução, alteração, distribuição e republicação de material contidos neste Portal, sem prévia autorização.